Foto: Marcio Damião/Intelli Orlândia
Foto: Marcio Damião/Intelli Orlândia

LIGA PAULISTA DE FUTSAL:
INTELLI/ORLÂNDIA 5 X 2 FIB/SPFC
TERCEIRA DERROTA NO ESTADUAL

Diante do atual campeão da Liga Futsal, a FIB São Paulo Bauru conheceu o seu terceiro revés na Liga Paulista de Futsal. Atuando no ginásio Maurício Leite de Moraes, em Orlândia, a equipe bauruense foi suplantada pela Intelli/Orlândia por 5 a 2. O time da casa abriu frente ainda na primeira etapa, marcando 3 a 0. Apesar do bom segundo tempo do time bauruense, a FIB São Paulo não conseguiu evitar a derrota.

Até agora a FIB São Paulo realizou 10 partidas na competição, obtendo 6 vitórias, um empate e três derrotas, totalizando 19 pontos ganhos. O próximo jogo na Liga Paulista só acontecerá em 17 de maio, em Vargem Grande do Sul, diante do Cruzeirinho. Na próxima semana, a FIB São Paulo estará envolvida nas duas partidas finais contra Botucatu, válidas pela decisão da Copa TV Tem. O primeiro jogo acontece em Botucatu, na terça-feira (06), às 21 horas. A finalíssima acontece em Bauru, no Ginásio Panela de Pressão, na sexta-feira (9), em horário a ser definido. O Jornada Esportiva acompanhará as duas partidas decisivas.

JOGO

A Intelli/Orlândia mostrou sua força e qualidade de atual campeão nacional, desde o início do jogo. Trocando passes rápidos, tendo boa movimentação e dificultando a marcação do time bauruense, a Intelli Orlândia abriu o placar com quatro minutos de partida através do ala Cabreúva.

Em vantagem, a Intelli Orlândia seguiu levando perigo a meta bauruense, acertando a trave em duas oportunidades, além de exigir em vários momentos o goleiro bauruense Paulo Vítor. Apesar de toda a inspiração do arqueiro bauruense, os donos da casa ampliaram a vantagem ainda no primeiro tempo. O ex-jogador do Corinthians, Lukaian, marcou aos 16 minutos e 53 segundos, enquanto que Gadeia, a menos de dois minutos do final, fechou a primeira etapa em 3 a 0 para a Intelli.

Na segunda etapa, o jogo foi outro. Apesar da Intelli, aos 41 segundos, aumentar para 4 a 0 a vantagem através de Diego Maurício, cobrando penalti, a FIB São Paulo reagiu. Com espaço para contra atacar, o time conseguiu chegar aos gols. Primeiro com Gédson, aos 2’52” e na sequência, com 4 minutos e 35 segundos da etapa, o estreante Luiz Negão diminuiu a desvantagem para 4 a 2.

Os gols deram motivação para os bauruenses, que passaram a se arriscar mais ao ataque em busca do empate. Apesar do bom momento no jogo, a reação parou por aí. Empurrada pela torcida, a Intelli conseguiu recuperar o domínio do jogo e aumentou o placar com Gadeia, na metade da etapa complementar. Os bauruenses ainda tentaram uma pressão no fim do jogo, mas esbarraram no bom posicionamento defensivo dos donos da casa.

ANDRÉ LUÍS: “PECAMOS NOS CONTRA ATAQUES”

Ao final do jogo, tanto o estreante da noite, o pivô Luiz Negão, como o técnico André Luís da Silva comentaram a partida a assessoria de imprensa da equipe. Luiz Negão, lamentou as falhas de marcação, que no seu entendimento, comprometeram um melhor resultado da equipe: "Fizemos um primeiro tempo razoável, não foi o que a gente esperava. No segundo tempo, conseguimos equilibrar e encostar no placar, mas devido a falhas de marcação, acabamos tomando mais um gol. Vamos dar sequência no trabalho", afirmou. Sobre a estréia, Luiz Negão acredita que pode render muito mais: "Ainda falta um pouco de ritmo de jogo, mas vou continuar trabalhando para fazer tudo correr bem nos próximos jogos", destacou.

Também através da assessoria de imprensa, o técnico André Luís Silva lamentou as oportunidades desperdiçadas: "A gente vem pedindo para a equipe finalizar mais e ter vontade de ser feliz. Viemos com uma postura de contra atacar e realmente foi absurdo o número de contra-ataques que tivemos. Em três minutos do segundo tempo, nós saímos cinco vezes na cara do gol e acabamos fazendo um gol. Se desses cinco, nós tivéssemos colocado a bola para dentro. Mas vamos trabalhar para fazer esses gols, a equipe vem evoluindo", assegurou.

FICHA TÉCNICA

INTELLI/ORLÂNDIA: Guitta; Jackson, Marinho, Cabreúva e Lukaian; Di Fanti (goleiro), Caio, Gadeia, Junai, Renan, Diego, Diece, Vinicius e Diego Maurício
Técnico: Cidão

FIB/SÃO PAULO: Paulo Vítor, Alemão, Fininho, Gédson e Luiz Negão; Luccas e Kevin (goleiros), Felipe, Victor, Fabinho, Lucas Abud, Lucas Cafu, Fabrício, Wellinton e Maurílio
Técnico: André Luís da Silva

Gols:Gédson (aos 2’52”/2T ) e Luiz Negão (aos 4’35”/2T) p/ FIB/São Paulo
Cabreúva (aos 4’02”/1T), Lukaian (aos 16’53”/1T) Diego Maurício (aos 41 segundos/2T) e Gadeia, (aos 18’21”/1T e 10’02”/2T) p/ Orlândia

Cartões Amarelos: Diece (Intelli) e Paulo Vítor (FIB SPFC)

Arbitragem: Frederico Breciani Neto, auxiliado por Pedro Alberto Oberg. Paulo Henrique Filigoi (cronometrista) e Fábio Henrique Patriarca (anotador)

Local: Ginásio Maurício Leite de Moraes, Orlândia/SP
Data: 03/05/14 – 18h


Mais Futsal
Página Inicial