EDMUNDO COUBE

SAIU O EDMUNDO COUBE

Por Rafael Antonio

Depois de um bom tempo de espera, o bom e velho Edmundo Coube está de volta. É bem verdade que a bola ainda não vai rolar, a pista de atletismo ainda não é a ideal, mas é bom começo. Para quem não tinha nada, ou melhor, um patrimônio público deteriorado, ver hoje o Edmundo Coube de cara nova, é sinônimo de esperança.

EDMUNDO COUBE

É fato também que depois de uma certa demora, houve uma preocupação de que o Edmundo Coube fosse entregue agora em agosto, coincidência ou não, há dois meses de um processo eleitoral e algumas coisas ficaram pelo caminho, como o próprio gramado, ainda não totalmente propício para a prática do futebol.

Porém, o que me agrada, pelo menos no que vi e ouvi neste último sábado dia 21 de agosto, é que o velho e crônico problema do Distrital, que era o seu sistema de drenagem, foi solucionado. Isso já é meio caminho andado, ou melhor, diria que é 80% do caminho andado. Também foi prometido que no futuro serão construídas canchas de malha, bocha, e até mesmo tão sonhado Ginásio Poliesportivo pode ser construído lá. Rapidamente entrando no mérito desta questão, não acho ali o melhor local. Esta é uma obra onde precisa ser analisado todos os fatores, desde logística de deslocamento, estacionamento para veículos, enfim, um amplo espaço para abrigar um local com capacidade para cinco a seis mil pessoas. Temos outras boas opções na cidade, que podemos discutir em um outro artigo. Voltando ao Edmundo Coube, me daria por contente se algumas promessas que visam atender as reivindicações da população fossem cumpridas, permitindo a população a utilização do local como prática de exercícios e lazer.

O nosso papel agora é continuar cobrando pela continuidade do projeto Edmundo Coube e acima de tudo, cobrar pela manutenção do que já foi feito. Fiquei muito triste ao chegar no local no dia da inauguração e constatar que os muros do Estádio já foram alvo dos vândalos de plantão, que deixaram a marca da pichação no local. Algo profundamente lamentável, pois o espaço é de todos. A população tem que se conscientizar e preservar o patrimônio que é nosso acima de tudo.

Mas como o dia é de festa, vamos parabenizar as autoridades pelo que já foi feito e continuar a nossa vigilância pelo que prometido no palanque improvisado. Este é o papel do Jornada Esportiva, elogiar quando é merecido, criticar quando é necessário e cobrar o que é prometido. Boa semana!


Opinião
Página Inicial