ELENCO RENOVADO

Faltando uma semana para estrear na temporada 2011, o vôlei feminino de Bauru intensifica os treinamentos visando a participação na Copa Piratininga. A competição, organizada pela Federação Paulista de Vôlei reunirá cinco equipes e servirá de preparação para o Paulista da Primeira Divisão, no segundo semestre. Além do IESB Preve/Bauru, participam do torneio as equipes de Assis, XV de Piracicaba, Leme e Bradesco/Osasco.

Fora a Copa Piratininga e o Estadual, a equipe do técnico Osvaldo Altafim Júnior terá pela frente nesta temporada os Jogos Regionais de Barra Bonita, no próximo mês de julho. Lá o time bauruense tentará retomar a hegemonia regional, perdida ano passado para Piracicaba. Em outubro, mais um desafio: os Jogos Abertos do Interior, em Mogi das Cruzes. Na Grande São Paulo, as meninas defenderão o título obtido em Santos no ano passado.

Em relação a temporada passada, o elenco passou por uma grande reformulação. Permaneceram no grupo as ponteiras Natasha, Sílvia e Thaysa, a meio de rede Daiana Castro, mais conhecida como “Boa”, a oposta Aline Ibaté, que está de volta a Bauru depois de disputar a Superliga por São Caetano do Sul, além da jovem Raissa, que fez parte do elenco no segundo semestre.

Entre os reforços, a diretoria e a comissão técnica optaram pela escolha de jovens valores, com idades entre 18 e 20 anos. A líbero Jéssica tem 19 anos de idade e a exemplo de Aline Ibaté, disputou a última Superliga por São Caetano. Também com 19 anos, a ponteira Bruna veio do Distrito Federal e tem no seu currículo passagem pela seleção brasileira juvenil.

De Leme, mais uma jovem de 20 anos. Camila é ponteira e também chega com o objetivo de brilhar na equipe bauruense. De São Carlos, o técnico Osvaldo Altafim poderá contar com a líbero Bárbara, que tem 20 anos de idade.

Fechando o elenco, duas levantadoras com 19 idade vieram do Paraná. Larissa atuou em 2010 na seleção paranaense, enquanto que Ana Laura, apesar da pouca idade, já atuou no voleibol paranaense e nas equipes de base do Barueri/SP.

Adriano Pucinelli, diretor da equipe e coordenador da modalidade em Bauru, não esconde o otimismo pelo novo momento da equipe: “Estamos apostando numa nova safra, trouxemos jogadoras jovens, mas diferenciadas”, completou.

Já o técnico Osvaldo Altafim Júnior ressalta que apesar da juventude, o time será extremamente competitivo na temporada: “Tecnicamente o time é altamente qualificado, homogêneo. Não sabemos se sentiremos a falta de experiência, pois tirando a Ibaté, todas tem idade sub-21. Mas garanto que o nosso time será extremamente técnico”, concluiu.

O time de vôlei feminino de Bauru conta com o patrocínio do IESB Preve e o apoio da Reability Centro de Reabilitação Esportiva e Fisioterápica.

CATEGORIAS DE BASE

Fora a equipe adulta que disputará a Copa Piratininga, o Paulista da Primeira Divisão, os Jogos Regionais e Abertos do Interior, as equipes de base do IESB Preve também estarão em atividade durante toda a temporada.

O time juvenil foi inscrito no Estadual da APV (Associação Pró Voleibol). Na estréia, no último dia 30 de abril, a equipe bauruense passou como um “rolo compressor” sobre o Automóvel Clube de Rio Preto. Vitória por 3 sets a 0, com parciais de 25-14, 25-18 e 25-19. O jogo aconteceu no Ginásio Comendador Martha. O próximo compromisso bauruense neste torneio acontecerá apenas no dia 26 de junho diante de Votuporanga, novamente em Bauru. Além do IESB Preve/Bauru, Rio Preto AC e Votuporanga, o campeonato conta com a participação do Uniara/Araraquara.

Já o infanto juvenil também foi inscrito no Estadual da APV. A base conta com as atletas formadas nas escolinhas desenvolvidas pela modalidade em Bauru. Nos dois jogos realizados até aqui, as meninas de Bauru sofreram duas derrotas. Na estréia, em casa, derrota para o Rio Preto AC por 3 a 0 (25-15, 25-17 e 25-14) e na segunda rodada, derrota fora de casa, diante do São Carlos/Sesi: 3 a 0 (25-11,25-20 e 25-17).

Também participam da competição o São Carlos/AVS e Araçatuba.


No Bloqueio
Mais Esporte
Página Inicial